O que é o Joomla

Categories Curiosidades

Hoje trago um artigo sobre o CMS, que pessoalmente, mais admiro e gosto de trabalhar. Já vão alguns anos que trabalho com Joomla, e tenho a dizer que é fantástico.
Não tiro o mérito aos demais, mas o potencial aliado ao número de utilizadores desta comunidade, dá ao Joomla uma grande diversidade de modulos, plugins e componentes.

Mas o que é o Joomla?

O Joomla é um CMS (Content Management System), que permite uma flexibilidade enorme na criação de conteúdos de forma dinâmica e organizada. Como existem um número enorme de pessoas que contribuem para a comunidade Joomla, existem inúmeros modulos, plugin, componentes e até templates, que facilitam em muito a criação de Websites, desde lojas online, blogs, revistas online, entre outros tipos de páginas web.

O Joomla é desenvolvido em PHP, e pode ser executado em servidores, como o que já falei aqui no blog, como instalar o LAMP em Ubuntu. Com este tutorial, têm um excelente começo para começar a programar e desenvolver em Joomla.

Para além disso, o Joomla é Open Source (GNU/GPL), tendo sido lançado em 2005. Neste momento, o Joomla vai na versão 3.7.1.

Aspectos a considerar

A ideia do Joomla e outros CMS, é resolver o problema que atormentava em muitos quem queria um website. A gestão de um website, todo o seu processo de criação, requeriam muitas horas e recursos. Dessa forma, os preços eram elevados, mas com este tipo de sistema, veio ajudar nesse aspecto.
Sendo Open Source, muitos são os projectos pela Web, que têm este sistema.

A sua forma simples de gerir conteúdos, ajuda mesmo quem não tem conhecimentos na área, podendo dessa forma, ser o próprio cliente a gerir o que quer ver no seu website.

Apenas projectos simples

Quem pensa que apenas se pode com Joomla fazer projectos pequenos, está muito enganado.

O Joomla é um sistema que pode ser moldado a cada cliente. Para quem tem habilidade e vontade, Joomla é uma ferramenta muito interessante.
Para além de ajudar o cliente final na gestão do seu projecto, também pode ser aproveitado por quem desenvolve em Joomla para criar projectos complexos. No meu caso, por exemplo, já desenvolvi muito em Joomla, criei várias integrações com Joomla. Sites de Real Estate, que sempre pareceu algo difícil de ver em Joomla, foram dos projectos que mais realizei, integrando com motores de reservas.

Conclusão

Numa opinião muito pessoal, Joomla é dos melhores CMS que existem no mercado actualmente. Fácil de usar, dinâmico e muito fácil de desenvolver para ele.
Mas claro, muitos outros CMS existem, e programadores mais dedicados a outros, certamente terão uma opinião diferente. A minha sugestão, e escolher o CMS que se pode adaptar ao projecto que realiza no momento, e ao que no final, acaba por se adaptar com mais facilidade.

Mais tarde, trarei um tutorial sobre como instalar Joomla e também irei falar sobre algumas features.

Comentários

comentarios